Prefeito de Ipojuca, Carlos Santana (PSDB-PR) é acusado de desvio de verbas públicas calculado em mais de R$ 10 milhões.

Justiça bloqueou bens de Carlos Santana e outras 20 pessoas, inclusive do ex-prefeito Pedro Serafim
por Alexandre Cunha
Clélio Tomaz/LeiaJáImagens/ArquivoAtual prefeito é, ao lado de outras 20 pessoas, acusado de improbidade administrativa Clélio Tomaz/LeiaJáImagens/Arquivo

Acusados de desvio de verbas públicas, a Justiça decretou o bloqueio dos bens do prefeito de Ipojuca, Carlos José Santana, conforme divulgado pelo Tribunal de Justiça de Pernambuco, nesta quarta (18). Pedro Serafim, ex-prefeito da cidade, também teve os bens confiscados.

Somadas aos dois políticos, outras 19 pessoas também são acusadas do mesmo crime, entre secretários e empreiteiros que atuaram em três obras localizadas em Porto de Galinhas. A decisão foi da juíza da Vara da Fazenda Pública da Comarca de Ipojuca, Ildete Veríssimo. A partir da publicação, os réus têm dez dias para recorrer. Carlos Santana e Pedro Serafim são acusados de improbidade administrativa pelo desvio de mais de R$ 10 milhões.

A decisão vem após ação civil pública proposta pelo Ministério Público de Pernambuco (MPPE). As obras em questão são serviços emergenciais para recuperação e manutenção de acessibilidade de ruas, conclusão de pavimentação, drenagem e esgotamento sanitário, além da aquisição de tubulações em PVC destinadas à conclusão do sistema de esgotamento sanitário.

FONTE: http://www.leiaja.com/politica/2015/11/18/prefeito-de-ipojuca-e-acusado-de-desvio-de-verbas-publicas/

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: