Ex-ministro Geddel Vieira (PMDB-BA) é alvo da PF em operação contra fraude na Caixa Economica

Imprimir

Nesta sexta-feira (13), a Polícia Federal cumpre sete mandados de busca e apreensão em operação que investiga esquema de fraudes na liberação de créditos junto à Caixa Econômica entre 2011 e 2013. Um dos alvos da operação é o ex-ministro Geddel Vieira Lima. Policiais fizeram buscas em imóvel de Geddel em Salvador, que foi vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa no período investigado pela PF. Os mandados são cumpridos no Distrito Federal, Bahia, Paraná e São Paulo.

A ação se baseia em informações encontradas em um celular encontrado na residência oficial da Câmara, quando era ocupada pelo deputado cassado Eduardo Cunha (PMDB-RJ). Perícia realizada após autorização judicial encontrou “uma intensa troca de mensagens eletrônicas entre o presidente da Câmara à época e o vice-presidente da Caixa Econômica Federal de Pessoa Jurídica entre 2011 e 2013” no celular.

Ex-ministro Geddel Vieira é alvo da PF em operação contra fraude na Caixa
Ex-ministro Geddel Vieira é alvo da PF em operação contra fraude na Caixa

A PF informa que “as mensagens indicavam a possível obtenção de vantagens indevidas pelos investigados em troca da liberação para grandes empresas de créditos junto à Caixa Econômica Federal”. A investigação aponta que o esquema teve a participação do vice-presidente de Pessoa Jurídica do banco, do vice-presidente de Gestão de Ativos e de um servidor do banco. Empresários e dirigentes do setor frigorífico, de concessionárias de administração de rodovias, de empreendimentos imobiliários e do mercado financeiro também, participavam no setor privado.

A operação, batizada de Cui Bono, teve mandados expedidos pela 10ª Vara Federal do DF, e é um desdobramento da operação Catilinárias, que fez buscas e apreensões na residência oficial da Câmara, à época ocupada por Cunha.

Jornal do Brasil http://www.jb.com.br/pais/noticias/2017/01/13/ex-ministro-geddel-vieira-e-alvo-da-pf-em-operacao-contra-fraude-na-caixa/

Anúncios

2 Respostas to “Ex-ministro Geddel Vieira (PMDB-BA) é alvo da PF em operação contra fraude na Caixa Economica”

  1. wind.wma@gmail.com Says:

    Gostaria de saber se você, editor do blog, consegue identificar quais os processos que apresentam o maior gargalo em desvio de recursos nos serviços públicos

    • Respondendo a sua pergunta, em geral são os processos envolvendo o poder executivo. Das quase 900 noticias de corrupção deste site, a metade envolve o poder executivo.
      As pessoas xingam e esbravejam contra o Congresso e o Senado, porem o poder executivo tem a grande maioria dos casos de corrupção.

      Outro dados que eu notei, é que o PMDB possui 60% das noticias de corrupção. O que é mais do que todos os outros partidos juntos.
      O PSDB vem bem proximo.
      E depois PP, PT e PSB.

      Assim que resumindo, usando apenas os dados publicados aqui ( uma pesquisa não muito técnica é claro), mas os grandes injustiçados neste processo de caça as bruxas da corrupção são o Congresso e o PT. Vejo seguidamente pessoas dizendo que querem soltar bombas no congresso etc, quando os governos estaduais e municipais são muito mais corruptos e muitas as noticias sobre a corrupção do executivo passam quase que desapercebidas.
      A mesma coisa com o PT, no ano passado com o processo de impeachment da Presidenta Dilma, seguidamente eu via nas redes sociais acusações de que o PT era o partido mais corrupto, enquanto a corrupção do PMDB, o partido mais corrupto de todos, passava desapercebida.

      Assim, que é difícil dizer se essa cortina de fumaça criada pela imprensa e media em geral tem como objetivo esconder os verdadeiros corruptos, ou se as pessoas carecem de informação.

      De qualquer forma, as pessoas estão mirando no alvo errado, e talvez seja por isto que a corrupção siga tão forte.

      Outra dado interessante que eu descobri ao longo dos anos é que para cara 1 real que roubado pea corrupção, 3 reais são sonegados.
      Assim sendo o problema da sonegação é muitíssimo pior que o problema da corrupção. E cito como exemplo o caso do ex-presidente da FIESP, que sonegou 6 bilhões de Reais. Dinheiro suficiente para pagar metade dos estados da Copa do Mundo.

      Assim, que infelizmente as pessoas ainda não possuem informação suficiente para tentar mudar o sistema. E como disse antes não sei se esta carência de informações é organizar por um grupo interessado na desinformação, ou se as pessoas não tem educação suficiente para discernir os verdadeiros problemas.
      Com este blog eu tento trazer um pouco mais de informação e contribuir para a divulgação dos mesmos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: